Há uma maneira simples e espontânea de se viver...
Mas preferimos o complicado.
Não sei que mania boba é essa de dificultar.  Será pelo medo de ser egoísta ou pela necessidade do desafio?
O sofrimento pelo problema parece ser o carro que leva a algum lugar que nem sabemos pra onde.
Dormimos e acordamos esperando sempre a bomba estourar ou ser desativada.
Falta de atitude e iniciativa.  Falta de rumo ou falta de um porque.
Comodidade? Segurança?  Não!!!
Acredito ser medo.
Insegurança pura.
Isso tudo é perder tempo.  Amargurando,  pensando,  perdendo apetites e sono.
Grande bobagem. Quanta falta de vida.
Optar pelo simples e pelo espontâneo.  Esse deve ser o segredo. Falar,  fazer, demonstrar e sentir.  Sem medo,  sem vergonha e até mesmo sem juizo.
Ser feliz é simples.
Então que sejamos felizes.... Se pudermos.

Comentários

Postagens mais visitadas